Melhores Ofertas

Monte Verde virou destino fantasma com proibição de entrada de turistas

Pousadas e hotéis de Monte Verde poderão receber turistas a partir de sábado (foto: João Heringer)

Pousadas foram esvaziadas em poucas horas e o comércio geral fechados, em um ”lockdown” sem prévia anunciação.

Em época de retomada do turismo nacional, paulatina e com todos os devidos cuidados, Monte Verde, um dos principais destinos procurados para fim de semana, na divisa de São Paulo e Minas Gerais, acaba de sair do mapa de busca dos turistas e tende vir a ser uma “cidade fantasma”.

Vivendo exclusivamente do turismo, a pequena “suíça brasileira” viu no sábado do último fim de semana (16/01) o prefeito recém eleito de Camanducaia (Monte Verde é distrito de Camanducaia), Rodrigo Alves de Oliveira (MDB) coordenando ações truculentas, retirando turistas dos restaurantes e intimando-os a irem embora, em pleno período de férias, sem qualquer informação anterior.

Pousadas foram esvaziadas em poucas horas e o comércio geral fechados, em um ”lockdown” sem prévia anunciação. Desde o dia 18 de janeiro (2ª feira) nada pode funcionar em Monte Verde, nem mesmo as lojas de material de construção que são permitidas na fase vermelha das avaliações em relação ao Covid 19.

Resta saber o que será de Monte Verde, que por ação irresponsável e inadequada do seu maior governante, a tirou do “mapa” de destinos turísticos, considerando que as notícias veiculadas afastarão por muito tempo o turista que busca bom acolhimento. Resta saber o que os proprietários de pousadas, hotéis, restaurantes e comércio em geral, que resistiram bravamente durante o período da pandemia, somando quase seis meses totalmente fechados, farão a partir de agora.

Monte Verde virou um distrito fantasma. (foto: Assimptur)

Outra preocupação é com as famílias, que trabalhavam nesses locais, e que conseguiram manter a dignidade na época do fechamento geral, pelos acordos e pelo recurso emergencial do governo, mas agora isso acabou.

“Nenhum destino nasce da noite para o dia, é sempre necessário um trabalho intenso de divulgação nos meios de comunicação e junto ao trade para ele se consolidar, porém a morte de um destino pode sim acontecer de um dia para o outro, quando ações totalmente inadequadas acontecem, como a que vimos em Monte Verde”, denuncia Patrícia de Campos, diretora da Gentileza r.p., empresa especializada em relações públicas na área do turismo.

A Prefeitura de Camanducaia alega que o decreto foi necessário em função do aumento de casos de COVID-19 em todo o município. Após um acordo com os comerciantes, a prefeitura decidiu autorizar a reabertura dos hotéis e pousadas a partir de segunda-feira (25/01) com 60% da capacidade de cada estabelecimento.

Pretende viajar para os destinos que estão recebendo turistas? Garanta aqui voos baratos

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Diego da Silva Peixoto
Diego da Silva Peixoto
6 meses atrás

Ao se falar de pandemia por causa do covid 19, logo vem a ideia de prevenção, medidas sanitárias, lockdown…
As autoridades não parecem interessadas nesse aspecto.
Pois bem, desculpe-me quem depende do turismo em Monte Verde, os altos preços aplicados atualmente no comércio de todos os seguimentos na cidade é um desrespeito ao turista, além disso, aproveitadores exploram quem tem interesse de ir nos pontos turísticos da cidade-(R$200,00 duzentos reais o mínimo para ir no ponto turístico mais perto)-o acesso à natureza, à vista deslumbrante ofertada pela paisagem não deve ter um dono, mas sim os turistas que movimentam o comércio da cidade.
Portanto, deixo meu desabafo indignado de quem passou o Ano-Novo em Monte Verde- MG, não volto mais nem mesmo indico. CARO LEITOR , NÃO VÁ A MONTE VERDE – MG , VALOR ABSURDO PARA TER ACESSO A PONTOS TURÍSTICOS E O COMÉRCIO LOCAL APLICA PREÇOS EXORBITANTES. VISITEM OUTROS LUGARES.

Paulo Cesar da Costa
Paulo Cesar da Costa
6 meses atrás

Discordo totalmente, adoramos a cidade e fomos muito bem tratados por todos. Os pontos turísticos podem ser acessados por carro próprio, só que, devido aos acessos mais indicado a veículos SUV, o transporte pode ser contratado. Fazendo uma boa pesquisa o turista encontra bons preços.
Eu adorei a cidade de Monte Verde, muito bonita, gastronomia excelente e moradores muito educados.

Trilhando Ao Topo
Trilhando Ao Topo
6 meses atrás

Adoramos no atendimento.

Trilhando Ao Topo
Trilhando Ao Topo
6 meses atrás

Discordo em relação aos preços das pousadas e do comércio, encontrei pizzas a 45,00, lá carte para 2 pessoas em média 65,00 a 90,00. Como faço trilha, caminhar não é problema, só não visita os pontos turísticos quem é sedentário.

Luiz Mori
Luiz Mori
6 meses atrás

Também discordo totalmente. 200 reais por um passeio, nem no nordeste. Antes de criticar, como fez acima, mostre onde pagou isso e talvez, eu aceite. A cidade é aconchegante e a população, mais ainda.

Breno
Breno
5 meses atrás

Onde pagou 200. agora vai ter que explicar melhor, já que todos os outros comentaristas negaram isso.

Dimas Cardoso de Sousa
Dimas Cardoso de Sousa
2 meses atrás

esse prefeito louco precisa ir pra um hospicio, faliu a cidade…